VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

terça-feira, setembro 27, 2016

Veja em Fraiburgo quem pode ganhar a eleição e corre risco de não assumir

Você sabe quantos processos os candidatos a prefeito e a vice de Fraiburgo respondem?



A edição nº 269 do Jornal Vitória, que circula desde o dia 22 de Setembro no Vale do Contestado, na página 03 divulga uma lista completa com o nome e número dos processos dos "prefeitáveis" da região, e Fraiburgo não ficou de fora.  Além disso, o periódico trouxe uma entrevista realizada com o advogado Fabiano Ribeiro, especialista em legislação eleitoral, o qual informa: "Há candidatos da região que podem vencer as eleições e não assumir os cargos para os quais foram eleitos". Leia atentamente a entrevista do causídico eleitoral e veja a lista dos candidatos Fraiburguenses que respondem processos ( alguns já sentenciados) que podem os impedir de assumir o cargo caso sejam eleitos.

Segue na integra a entrevista com o advogado Fabiano Ribeiro.

Muito tem se questionado sobre a possibilidade de alguns candidatos que tiveram seus registros deferidos para concorrer na eleição desse ano não serem empossados no dia 01 de janeiro de 2017. Isso se dá em razão da possibilidade de perderem os direitos políticos em face da famosa “Lei da Ficha Limpa”. Diante disso, o Jornal Vitória foi ouvir a opinião do advogado Dr. Fabiano Ribeiro, que tem atuado como advogado eleitoral conjuntamente com sua equipe, inclusive realizando defesas junto ao nosso Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Dr. Fabiano, com sua equipe, tem sido alvo de críticas positivas no meio jurídico por terem conseguido retirar algumas multas imposta por atos da pré-campanha de políticos da região, dentre elas, inclusive pela vitória no caso de um impulsionamento pago junto ao Facebook.

Confira a entrevista realizada com o Dr. Fabiano Ribeiro, especialista 
em direito eleitoral:

Jornal Vitória: Dr. Fabiano, muito se tem falado da possibilidade de que algum políticos que possuem processos judiciais em andamento possam deixar de assumir seus cargos caso venham à serem eleitos. Na sua opinião o fato da Justiça Eleitoral ter deferido o registro de candidatura de políticos que possuem processos judiciais libera totalmente o mesmo para assumir o cargo disputado?

Dr. Fabiano: Primeiro importante compreender que o registro de candidatura nada mais é do que a verificação dos direitos políticos desse pretenso candidato. Outra coisa é manter esses direitos até a sua posse caso eleito. Não são raros os casos de candidatos que obtiveram o registro de candidatura e depois não puderam assumir o cargo eletivo. Importante compreender que a Lei Complementar n° 135/2010 trouxe nova grafia a Lei de Inelegibilidade, qual seja, a LC n° 64/90, que aponta serem inelegíveis, para qualquer cargo, os que forem condenados, em decisão transitada em julgado ou proferida por órgão judicial colegiado, desde a condenação até o transcurso do prazo de 8 (oito) anos após o cumprimento da pena, pelos crimes contra a economia popular, a fé pública, a administração pública e o patrimônio público. Neste sentido basta a condenação em órgão colegiado para se torna inelegível o candidato e o impossibilitado de assumir.

Jornal Vitória: Dr. Fabiano, para que o nosso leitor possa compreender melhor acerca do tema, o que seria uma condenação em órgão colegiado e o que seria uma condenação transitada em julgado?

Dr. Fabiano: A condenação transitada em julgado é aquela que põe fim ao processo de conhecimento, aquela da qual não cabe mais nenhum tipo de recurso, tendo sua decisão como definitiva. Já a decisão proferida por órgão colegiado é aquela que ocorre, na maioria das vezes, em segundo grau, onde existe a necessidade de que haja mais do que um magistrado apreciando o conteúdo do processo. 

Jornal Vitória: Dr. Fabiano, em nosso município já tivemos um caso em que o registro de candidatura foi deferido e, posteriormente, o candidato eleito não pode assumir, isso poderia ter ocorrido por este motivo?

Dr. Fabiano: Não pude analisar o processo de que se trata este caso, porém, é importante compreender que a inelegibilidade é vista como um impedimento ao exercício da cidadania, no que se refere a assumir cargos e l e t i v o s , a fi n a l d e c o n t a s , fi c a impossibilitado de ser escolhido ou assumir em razão do fator negativo, o qual torna o candidato inapto para exercer qualquer cargo político. Ao nosso ver, o legislador parece ter criado a norma baseado no conceito moral de que àquele que não respeita a Lei e comete atos atentatórios ao bem comum ou até mesmo a administração pública, deve ser afastado do poder e de sua proximidade, durante determinado lapso temporal, como se fosse, em verdade, uma reprimenda para estabelecer a direção de suas condutas.


Jornal Vitória: Analisando a atual situação política da região e do município, é possível que haja novamente uma eleição e que o candidato vencedor não possa assumir o seu cargo?

Dr. Fabiano: Diante dos diversos fatos e denúncias ocorridas em desfavor de políticos na nossa região, que, inclusive, são candidatos, há sim altas chances de que isto volte a ocorrer. Recentemente, analisando alguns dos processos que correm na esfera criminal contra políticos de renome da região, e, levando em conta o adiantado estado em que alguns destes processos se encontram, poderia citar exemplos, de que há julgamentos para serem feitos antes mesmo do final do ano, em órgãos colegiados, que, caso venham a ser manter as condenações de primeiro grau, é certa a possibilidade de que famosos políticos possam vencer o pleito eleitoral e restarem impedidos de assumir os cargos, como ocorrido em outros pleitos.

Jornal Vitória: Dr. Fabiano, agradecemos a sua colaboração ao Jornal Vitória e gostaríamos que o senhor transmitisse uma mensagem ao eleitor, que muitas vezes fica distante do conhecimento jurídico sobre o seu papel e como exercê-lo no momento da eleição.


Dr. Fabiano: Agradeço a oportunidade de dar esta entrevista ao Jornal Vitória e espero poder ter contribuído a elucidar a problemática em questão e, se puder servir de conselho, espero que o eleitor possa compreender bem o seu papel que é o de escolha dos nossos representantes pelos próximos quatro anos e que, apesar da política estar em descrédito, é dela que surgem as decisões mais importantes do país, estados e também dos nossos municípios. Sem dúvida alguma, a democracia deve ser enaltecida principalmente com escolhas de candidatos que não possuam manchas em suas histórias, sem dúvida, o eleitor deve priorizar, no momento da votação, o melhor, a seu juízo, para dar o melhor rumo à administração local. Sem dúvida, é o cidadão, nas urnas, o melhor juiz para afastar corruptos, ímprobos e malfeitores do poder, esse é o papel do eleitor. 

sexta-feira, setembro 23, 2016

Entidades divulgam resultado da pesquisa parcial eleitoral em Fraiburgo

Foram entrevistados 1,39% dos eleitores de Fraiburgo
Foi divulgado hoje (23/09), números da pesquisa eleitoral para a corrida a prefeitura de Fraiburgo, registrada sob o nº SC-06299/2016. A análise foi registrada no dia 17/09/2016, foram entrevistados 380 eleitores nos dias 17 e 18 de setembro.   A pesquisa foi realizada pela empresa Alo Brasil Pesquisas Consultoria e Marketing inscrita no cadastro nacional de pessoas jurídicas com o nº 09.185.766/0001 – 62, Augusto da Silva Rocha é o estatístico responsável.  A pesquisa foi contratada e custeada pela ACIAF – Associação Comercial de Fraiburgo e pelo CDL – Câmara de Dirigentes Lojistas Fraiburgo com o valor de R$ 9.500,00.   A pesquisa ACIAF / CDL/ Alô-Brasil Consultoria e Marketing divulgada nesta sexta-feira (23) aponta os seguintes percentuais de intenção de voto na corrida para a Prefeitura de Fraiburgo:  Nelmar e Gabriel (PMDB) tem 32,10%, Claudete e Júlio Santos (PPS) tem 24,61 %, e Edi e Litrinho (PSDB) tem 23,56 %, Juliano e Soberano (PP) 4,62 %, Não opinaram 8,31%, brancos e nulos 6,7%. Instituto ouviu 380 eleitores no dia: 17 e 18 de setembro.


O plano amostral consta de quotas proporcionais as existentes no universo de acordo com as variáveis: região, sexo, faixa etária; proporcional ao setor censitário do IBGE, relativo ao Censo IBGE 2010; TSE Agosto 2016.Foram ouvidos 17.7% de jovens na faixa etária de 16 a 24 anos; 21.4% de  25 a 34 anos; 35 a 44 anos foram 19.7%; 45 a 59 anos outros 25.4%; 60 anos ou mais foi um total de 15.8%. Por gênero foram coletados 49.4% do sexo masculino e 50.6%; do feminino.  A variável quanto a escolaridade: até 1º grau incompleto: 46.8%; 1º Grau Completo até 2º. Grau incompleto 33.5%; 2º.Grau Completo até Superior Incompleto 16.5% e Superior Completo 3.2%.

quarta-feira, setembro 21, 2016

Municípios da AMARP amargam prejuízo superior a R$ 12 milhões em recursos que deveriam receber do Governo do Estado

Os 14 municípios membros da  AMARP -Associação dos Municípios do Alto Vale do Rio do Peixe estão amargando um prejuízo superior R$ 12, 6 milhões em recursos que deveriam receber do Governo do Estado por meio do repasse do ICMS - Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços, mas que não estão chegando aos municípios. O presidente da AMARP – Euzébio Viecelli explica que o valor dos impostos que chega ao FundoSocial deveria ser partilhado e 25% do ICMS, por lei,  é dos municípios. No entanto, em uma Manobra Fiscal, o governo estadual os registrou como doações driblando as prefeituras. O valor é contabilizado de janeiro de 2011 até junho deste ano e faz parte de um levantamento da Secretaria de Estado da Fazenda organizado pela FEACM.

Para Viecelli enquanto os municípios sofrem os efeitos da pior crise econômica e financeira das últimas décadas, o Governo do Estado está dando mais um empurrão nas prefeituras em direção à calamidade financeira, deixando de repassar aos municípios catarinenses a cota-parte do ICMS que lhes é de direito conforme rege a Constituição Federal. “Esses recursos auxiliariam em muito no melhor atendimento à população, uma vez que é a administração pública municipal que executa a maior parte Programas de atendimento à sociedade”, lamenta Viecelli apontando que se algum município tiver problema legal com déficit financeiro ou orçamentário, poderá usar o não recebimento desta receita como atenuante.

O não repasse de um recurso que pertence ao Município agrava ainda mais a já difícil situação enfrentada pelas administrações municipais catarinenses em um momento que elas já amargam uma queda real na arrecadação de receitas vindas das transferências constitucionais (FPM, ICMS, FUNDEB e IPVA) na ordem de R$ 367 milhões, somente no primeiro semestre de 2016.  Veja a relação completa das perdas registradas nos municípios da AMARP por conta do não repasse dos recursos do ICMS:

Arroio Trinta  - R$ 437.535,74 ,Caçador  - R$ 3.462.665,66 ,Calmon – R$ 297.153,01, Fraiburgo – R$  1.474.442,63 , Ibiam – R$ 335.465,03, Iomerê - R$ 504.180,61
Lebon Régis – R$ 399.680,29, Macieira – R$ 288.567,26, Matos Costa – R$ 228.209,95 , Pinheiro Preto – R$ 456.970,45, Rio das Antas - R$  653.551,69, Salto Veloso – R$  479.206,55, Timbó Grande – R$ 404.794,39, Videira - R$ 3.249.011,90, Total  R$ 12.671.435,17


Silvia Palma

Assessoria de Imprensa
21/09/2016

Escola cria solução de problema de saúde pública

Dengue foi um dos pontos de largada dos estudos para 
criação de uma horta sustentável.

O que o mosquito Aedes Aegypti tem a ver com uma horta sustentável. Esses dois conceitos, que parecem muito distantes, foram uma solução criada a partir de estudos dos alunos do segundo ano da EEB Cecília Vivan, de Salto Veloso, no meio oeste catarinense. O projeto que iniciou com o combate ao mosquito causador da dengue e outras doenças, culminou com um projeto sustentável.
“São as escolas realizando papel essencial nas sociedades onde estão inseridas, por meio de iniciativas que despertem a conscientização e especialmente o novo jeito de se fazer, adotando medidas ecologicamente sustentáveis” afirmou o secretário executivo da 9ª Agência de Desenvolvimento Regional (ADR), Euro Vieceli.
A iniciativa teve início no começo do ano, quando os estudantes romperam os muros escolares e saíram pelas ruas de Salto Veloso, a procura de focos do mosquito Aedes Aegypti. A partir de uma observação dos estudantes, do volume expressivo de garrafas pets jogadas no meio ambiente, surgiu a ideia de coletar e dar um destino correto a esses materiais, um dos principais criadouros do mosquito.

Com o problema, os estudantes trabalharam na solução: criar uma horta sustentável, que ao invés de plástico em suas laterais e teto, contasse com garrafas pet, devidamente colocadas e acondicionadas para promover o isolamento térmico necessário para a estufa, e que, concomitante a isso, não ocasionasse problemas com a criação e proliferação do mosquito.
Vários estudos e pesquisas foram realizadas até que os estudantes chegaram a um modelo ideal. O projeto contou com a adesão da escola, que por meio de uma gincana, possibilitou que todos recolhessem as garrafas pet, totalizando mais de três mil unidades. Depois disso, os estudantes colocaram a mão na massa e construíram as estruturas para a estufa.
Os componentes foram, em sua maioria, sustentáveis: garrafas pets e bambus. A escola ainda adquiriu manta asfáltica e parafusos para os acabamentos. Os custos para a estufa de 3,5x2,5 não ultrapassaram os R$ 50 reais e para os alunos o aprendizado foi grande.  Segundo eles, a escola que já possui compostagem e cisterna, foi completada com a estufa ecológica.
A previsão é que os trabalhos sejam concluídos ainda esse mês, com a finalização da estrutura e a plantação das primeiras mudas. “Percebemos que podemos ser agentes de um futuro melhor. Que devemos cuidar melhor do lixo que produzimos e que grande parte dele pode ser reaproveitado. Um aprendizado que surge aqui, dentro da escolas, mas que pode ser facilmente desenvolvido em qualquer residência” afirmaram os estudantes.
Para a diretora da escola, Regina Ansilieiro, os grandes beneficiados com esses estudos são as pessoas “É muito importante que a escola cumpra com o esse papel social e de desenvolvimento. Por meio da educação e do estimulo a esses jovens, temos uma sociedade mais critica, mas envolvida e especialmente mais consciente” finalizou Regina parabenizando professores, alunos e todos os envolvidos.

Irrigação automática também é desenvolvida

Juntamente com o projeto sustentável a turma desenvolveu outro aprendizado paralelo. Por meio da tecnologia, foi criado um sistema de irrigação automatizado por gotejamento, utilizando eletrodos. O sistema é constituído, basicamente, por componentes eletrônicos de sucata que tem por objetivo a medição da umidade do solo e seu trabalho é realizado com condutividade elétrica.
O sistema faz uma leitura por meio de eletrodos do nível de umidade do solo, de tal forma que, quando tal nível for atingido, os eletrodos passam a conduzir eletricidade, o qual obstrui o funcionamento de uma bomba d’água, interrompendo o fluxo de água nas mangueiras do sistema de irrigação. Quando o solo está quase seco, a condutividade elétrica cai muito. Os eletrodos param de conduzir eletricidade, permitindo assim o acionamento da bomba que está instalada em uma caixa de captação de água, a qual coleta a água da chuva do telhado do ginásio. A bomba faz com que a água circule pelas mangueiras de irrigação que tem pequenos furos, os quais permitem o gotejamento e a irrigação do solo.
Para os professores coordenadores, Simão Abatti e Nailde Hauwetter, o aprendizado foi aplicado na prática “O conhecimento que se pretendeu com esse projeto não foi só matematicamente, cientificamente ou de tecnologia. O conhecimento foi para a vida, onde o reaproveitamento é mais que uma opção é uma oportunidade de manter o equilíbrio entre o meio ambiente e a produtividade” finalizaram.

terça-feira, setembro 20, 2016

Policia faz perseguição a carro e prende três procurados

As guarnições de serviço das viaturas PM 12-4042, 4651 e 4748, receberam informações do setor de inteligência (AI) da terceira companhia, que um indivíduo do sexo masculino de nome L.A estariam de passagem pela cidade de Fraiburgo, utilizando um veículo de Monte Carlo - SC, que o masculino possui em seu desfavor dois mandados de prisão da Comarca de Fraiburgo.  Nas proximidades do bairro São Sebastião, o referido veículo desobedeceu à ordem policial, evadindo-se em alta velocidade sentido a cidade, não parando em dois bloqueios policiais. As viaturas deslocaram em acompanhamento tático, sempre utilizando os sinais luminosos e sonoros de emergência, o veículo seguiu pela Avenida Videira, Avenida Renê Frey, onde no semáforo com a Avenida Caçador, quase atingiu uma motocicleta que transitava em sentido contrário, passando no sinal vermelho, realizou diversas ultrapassagens perigosas pela Avenida Caçador, adentrou na Rua Olavo Bilac, quase atingindo diversos pedestres em frente à Panificadora Bladi Café, seguiu pela Avenida Adalberto Schimidt, momento que novamente transpôs outro bloqueio policial, em ato contínuo dirigiu pela Avenida Rio das Antas e adentrou novamente a via paralela da Avenida Renê Frey na contramão de direção em frente a Gianello Veículos, seguindo sentido a cidade de Monte Carlo pela Rodovia SC 452, em determinado momento, ao realizar a curva em frente ao Posto Portal, o pneu dianteiro esquerdo furou, obrigando o condutor a parar o veículo em frente ao cemitério da Liberata, onde foi abordado.


Segundo o relatório da Policia Militar, ao sair do veículo, investiu fisicamente contra a guarnição que utilizando do uso progressivo da força, causou a submissão de L. A (Camisa Vermelha), nesse momento, saíram do veículo outros dois ocupantes que, ao visualizarem a abordagem tentaram resgatar L.A, sendo necessário o uso moderado da força para conter os masculinos, posteriormente identificados R.C e M.G.  Ao realizar busca pessoal e veicular nada de ilícito foi localizado, sendo confeccionadas as atuações de trânsito pertinentes, conforme as infrações descritas acima, o veículo removido ao pátio da permissionária, e os masculinos conduzidos até a Central Regional de Flagrantes de Videira para providências da Polícia Civil.       (Fonte das informações: Relatório Oficial da Policia Militar divulgado para imprensa) e  Genauro Stefanski/Departamento de Jornalismo da Rádio Fraiburgo AM -


  

segunda-feira, setembro 19, 2016

Hospital de Fraiburgo recebe 300 mil reais do estado

Governo do Estado repassa 300 mil reais para custear e manter serviços de saúde no Hospital Fraiburgo.

Na sexta-feira, dia 16, o secretário executivo da 9ª Agência de Desenvolvimento Regional (ADR), Euro Vieceli, juntamente com o presidente da Associação Fraiburguense de Saúde Coletiva, Flávio Martins, e a gerente de saúde, Fabiana de Fátima Moraes, assinaram um convênio de R$ 300 mil para manutenção e custeio do Hospital Fraiburgo. Os recursos são oriundos do Governo do Estado, por meio do Fundo Estadual de Saúde.
Para o secretário executivo, Euro Vieceli, os recursos garantem o desenvolvimento das importantes atividades realizadas pela instituição “O Governo do Estado faz a sua parte, estimulando e incentivando com recursos que contribuem com a gestão dessas unidades” afirmou o secretário ressaltando que há um trabalho continuo para garantir os avanços na saúde, a exemplo dos recursos conquistados no ano passado, para aquisição de dez novos leitos de UTI no Hospital Salvatoriano Divino Salvador, em Videira.
Com uma média de 4200 atendimentos por mês, o Hospital Fraiburgo conta com uma equipe preparada, formada por cerca de 30 profissionais médicos, prestadores de serviço, que atuam nas especialidades de ginecologia, obstetrícia, pediatria, ortopedia, cirurgia geral, dentre outras.
Os recursos oriundos do Fundo Estadual da Saúde serão empregados na manutenção dessa unidade, com pagamentos em dia e alinhamento das despesas. Para a gerente de saúde, Fabiana de Fátima Moraes, esses recursos contribuem com a gestão “A manutenção dessas unidades é onerosa e esses recursos, com certeza, vêm em boa hora. Além desse convênio o hospital ainda teve autorizado 30 leitos de retaguarda, junto ao Ministério da Saúde, que possibilitará um repasse a unidade de cerca de R$ 180 mil por mês” destacou a gerente de saúde.
O presidente da Associação Fraiburguense de Saúde Coletiva, Flávio Martins, agradeceu os recursos “Queremos agradecer todas as pessoas que contribuem para a manutenção do Hospital de Fraiburgo, seja as que contribuem financeiramente, seja as que procedem com doações de roupas de cama, alimentos, entre outros artigos” finalizou.

domingo, setembro 18, 2016

Fraiburguense sagra-se campeão estadual de Handebol por Lages

O Atleta Fraiburguense  Thomas Leonardo Moreira, filho dos jornalistas Cesar Malinoski e Jerusa Moreira sagrou-se campeão estadual de handebol nos jogos estudantis catarinense, defendendo a cidade de Lages pelo Colégio Industrial de Lages.  A etapa estadual dos Jogos escolares de Santa Catarina (Jesc) para estudantes de 15 a 17 anos, aconteceu dia 15 a 18 de setembro de 2016, na cidade de São Bento do Sul - SC.  A equipe de Handebol da cidade de Lages sagrou-se campeã estadual ao vencer São Bento do Sul  por 18 X 7,  vencer Criciúma por 19  X 17, empatar com Saudades com 16 gols, e vencer na grande final a cidade de Joinville por 27 a 13.  A equipe campeã viajará para representar o estado de Santa Catarina em 13 de Novembro na Cidade de João Pessoa na Paraíba, onde acontecerá o campeonato brasileiro de jogos escolares.





sexta-feira, setembro 16, 2016

Eleitores têm até o dia 22 para pedir segunda via do título

15.09.16 Na próxima quinta-feira (22) se encerra o prazo para emissão de segunda via do título eleitoral. Assim, aqueles eleitores que, porventura, tenham perdido ou extraviado seu título, dispõem de apenas mais sete dias para comparecerem ao cartório eleitoral mais próximo e resolverem sua situação.  Esse prazo (22) é legal e está previsto no Código Eleitoral (artigo 52). Embora o título de eleitor não seja obrigatório no momento do voto, bastando apresentação de documento oficial com foto, a Justiça Eleitoral alerta que ter o documento em mãos pode facilitar e agilizar o procedimento da votação para os eleitores. "No título eleitoral consta o número da seção. Em locais de votação com várias seções, espalhadas em salas diversas, a informação ajuda na localização da sala em que está instalada a seção do eleitor", esclareceu o coordenador de Gestão do Cadastro Eleitoral do TRE-SC, Giovani Pacheco.   Além do título, para saber o número da sua seção, o eleitor pode consultar os serviços online do TSE, que incluem também local de votação ou a respectiva situação da inscrição:  

Por Sylvia Weidemann / Assessoria de Comunicação Social do TRE-SC / ASCOM - Assessoria de Comunicação Social / imprensa@tre-sc.gov.br / Fone: (48) 3251.7478 / 3803 / Twitter: http://twitter.com/trescjusbr / Facebook: http://www.facebook.com/trescjusbr  / YouTube: 

Deputado Altair Silva solicita reajuste no valor para compra de carro por pessoas com deficiência

O deputado estadual Altair Silva (PP) é autor da Moção 174.3/2016, que solicita o reajuste pela inflação do valor máximo para a compra de veículos destinados para pessoas portadoras de deficiência física, mental ou autista. O parlamentar propõe que o teto passe dos atuais R$ 70 mil para R$ 100 mil no valor do automóvel para que seja concedida a isenção do ICMS.    Em sua argumentação, Silva diz o valor não é reajustado desde 28 de julho de 2009 e, hoje, devido à inflação, praticamente não há carros automáticos que se enquadrem na faixa de isenção. “Carros automáticos, com porta-malas grandes e espaçosos internamente não são um luxo para uma pessoa com deficiência ou sua família, mas uma necessidade. O reajuste do valor máximo é uma solicitação justa e coerente que fará justiça ao cidadão com deficiência.”, afirma o deputado Altair Silva.

Ransolin defende Perin em nota no caso Sanefrai

Dr. Osmar Ransolin
O advogado Osmar Ransolin entrou em contato com esse colunista, e como representante do ex-presidente da Sanefrai, Ademir Perin, informou que a Ação Civil Pública movida contra seu cliente, não se deu por cobrança de propina ou malversação de recursos públicos. Muito pelo contrário. Segundo Ransolin, ao tempo em que Perin esteve à frente da autarquia, foi contratada uma empresa, através de processo licitatório conduzido pela Prefeitura (e supervisionada pelo Secretário de Administração da época), para elaborar um projeto de saneamento para o Bairro São Miguel. A empresa que venceu a licitação foi a SANETAL, de Florianópolis, e entregou o serviço, tudo em conformidade com o edital. Com o advento da nova administração, Osmar acusa a Diretoria da Sanefrai, de ter suprimido uma parte do projeto, e denunciado ao Ministério Público, como se tivesse sido feito um pagamento sem a correspondente entrega do serviço. Mas há um detalhe no caso. Na época, Perin protocolou pedido de recursos junto à FUNASA, acompanhado destes documentos, e portanto, tinha cópia integral de todos os projetos, inclusive do que teria sido “roubado” da Sanefrai. Ransolin disse que esta versão dos fatos já foi apresentada ao juiz da Comarca, com as provas da inocência de Perin. Segundo o causídico, contra seu cliente o que há, é apenas uma Ação Civil Pública que apuraria uma suposta irregularidade. Ao contrário de Elói Regalin, Perin nunca foi denunciado por prática de crime. Muito menos por cobrar propina em compras de máquinas.

Saiba mais sobre caso Perin:

https://wcesarmalinoski.blogspot.com.br/2015/10/ex-presidente-da-sanefrai-e-investigado.html

Saiba mais sobre caso Regalin:
https://wcesarmalinoski.blogspot.com.br/2016/09/mpsc-desarticula-esquema-de-propina.html


quinta-feira, setembro 15, 2016

Deputado Silvio Dreveck pede inclusão de mais obras catarinenses no plano federal de concessões

No seu pronunciamento desta quinta-feira (15), o deputado Silvio Dreveck (PP) fez um apelo para que o Governo Federal inclua novas obras de infraestrutura de Santa Catarina no plano de concessões. Nesta semana, foi divulgada a primeira etapa do novo plano de concessões na qual consta apenas o aeroporto Hercílio Luz, de Florianópolis. O modelo de investimentos público-privados por meio de concessões para as obras de infraestrutura é uma das bandeiras defendidas pelo parlamentar desde o seu primeiro mandato. “O governo não tem dinheiro para investir em todas as áreas e o setor privado é capaz de executar as obras com mais segurança e celeridade. Com as concessões, mais recursos poderão ser investidos na saúde, educação, segurança e outras áreas essenciais.”, afirmou o deputado Silvio Dreveck.    O parlamentar citou algumas rodovias que estão em estado crítico e seriam beneficiadas caso fossem concedidas, entre elas a BR-280, que liga São Francisco do Sul a Dionísio Cerqueira, a BR-470, entre Navegantes e Camaquã e a BR-282, entre Florianópolis e Paraíso.    Há dois projetos de lei que tramitam na Assembleia Legislativa desde dezembro de 2015 que tratam das Parcerias Público Privadas em Santa Catarina, o PL 541.3/2015 e o PL 574.1/2015. “Precisamos deliberar estes projetos o quanto antes para que o governo comece a tomar as medidas necessárias para implantar o modelo de concessões e assim beneficiar a população catarinense.”, afirmou o deputado.

Borga é derrotado em três representações contra Mário

14/09/2016 - O candidato a prefeito Dorival Carlos Borga (PSD) sofreu três derrotas consecutivas na Justiça em representações movidas contra a Coligação Todos por Videira e Mário Corrêa e Léo Bom. “Nossa campanha tem primado pela legalidade desde o princípio, porque sempre tivemos em mente a intenção de concorrer de forma justa, honesta e igualitária. Ao contrário de nossos opositores que já foram condenados três vezes em primeiro grau, nós continuamos de cabeça erguida e pautados na legalidade. Prova disso, é que nas três ações que Borga moveu contra nossa Coligação, ele foi derrotado”, afirma Mário Corrêa.

As três representações feitas por Borga contra Mário e Léo já foram julgadas em primeiro e segundo grau e em ambos os casos ele foi derrotado. A primeira representação acusava o candidato a vice-prefeito Léo Bom a fazer pedido antecipado de voto em um vídeo em que se apresentava como pré-candidato. Ao julgar a representação o juiz eleitoral André Trentin da 36ª Comarca de Videira julgou improcedente a representação, descartando a campanha irregular.   “Da atenda análise do vídeo não vislumbro qualquer irregularidade. Ante ao exposto julgo improcedente a presente representação”, sentenciou o juiz.

As outras duas derrotas sofridas pela Coligação de Borga e Claudete foram por meio de uma representação que tratava sobre a suposta divulgação, em um jornal local, de uma matéria, considerada por eles, desleal e desmedida contra Borga. A matéria veiculada criticava a demora na retirada de um poste, que estaria prejudicando as obras da SC 135 entre Videira e Tangará, desde o tempo que Borga era secretário regional.  Ao entrar com a representação, Borga  citou não apenas o jornal, mas também a Coligação Todos por Videira dos candidatos Mário Corrêa e Léo Bom, alegando que o dono do jornal possuía parentesco com o candidato Léo Bom e por isso teria realizado a critica. O juiz  rechaçou completamente esse argumento e alegou que pelo simples fato do dono do jornal ter parentesco com Léo Bom, não se pode afirmar que Léo teria conhecimento prévio da publicação da matéria, por isso não poderia ser responsabilizado. 

Além disso, o juiz Trentini alegou liberdade de imprensa ao jornal, além de afirmar não ver irregularidade alguma na conduta do jornalista.  Já na terceira derrota sofrida por Borga, o juiz também julgou improcedente a representação que a Coligação dele e de Claudete fez contra um vídeo com o discurso do prefeito Wilmar Carelli durante as convenções dos cinco partidos que apoiam Mário. Eles acusavam Carelli de fazer pedido de votos em período vedado, no entanto, o juiz entendeu que Carelli apenas conclamava os filiados e simpatizantes do PMDB a se engajarem na Campanha. Com isso, já são três ações feitas por Dorival Carlos Borga e Claudete Vavassori contra a Coligação de Mário e Léo, julgadas improcedentes.

Novo gerente assume regional da Cidasc de Videira

Marcelo Grazziotin é o novo gerente da Cidasc Regional Videira.

Videira – Na manhã desta quarta-feira, dia 14, foi realizada a posse do novo gerente da Cidasc Regional Videira. Com a presença do presidente da entidade, Enori Barbieri, o médico veterinário, que integrava a equipe técnica da regional, Marcelo Grazziotin, assumiu o comando da Cidasc, após o afastamento do antigo gerente Mario Milani, devido ao Programa de Aposentadoria Incentivada.

O secretário executivo da 9ª Agência de Desenvolvimento Regional, Euro Vieceli, esteve participando da cerimônia e parabenizou a equipe pela dedicação e comprometimento prestados “Hoje contamos com o afastamento e dois grandes profissionais que dedicaram parte de suas vidas aos trabalhos na Cidasc e vemos o andamento desse projeto, com novo gerente e uma equipe técnica engajada. Desejamos sucesso e nos colocamos a disposição” afirmou.

A cerimônia de posse foi conduzida pelo presidente da Cidasc, Enori Barbieri, que procedeu com a entrega de uma placa comemorativa aos dois profissionais da Cidasc que se aposentam. Roseli Vieceli, que trabalhava no setor administrativo e Mario Milani, que exercia a função de gerente. Na ocasião, o presidente também recepcionou Reginaldo dos Santos que passa a ocupar o cargo administrativo da entidade em Videira.

Na reformulação da Cidasc, Enori destacou o empenho político para a manutenção da regional em Videira. Segundo ele, foi um pedido do governador Raimundo Colombo, que a unidade fosse mantida “Reconhecendo a importância regional, a atividade econômica e a necessidade de uma aproximação do órgão, a Cidasc garante que a unidade não será fechada em Videira” afirmou Barbieri.

O novo gerente, Marcelo Grazziotin, destacou o desafio em assumir esse importante órgão. Ele que teve suas atividades iniciadas em 1999, garante que está preparado e reforça que o bom trabalho será mérito de toda a equipe “Estou muito feliz em assumir esse importante cargo principalmente porque tenho uma equipe muito comprometida, que realmente faz acontecer, veste a camisa. Nosso trabalho coletivo continuará fazendo a diferença” afirmou.
O ex-gerente agradeceu aos presentes e enalteceu o sentimento com que deixa a Cidasc. Segundo ele, foi uma segunda casa, a qual lhe proporcionou muitas amizades e histórias que serão levadas consigo para sempre. A administrativa, Roseli Vieceli, também se emocionou na despedida, reforçando que foram 36 anos de muito amor pela profissão.

quarta-feira, setembro 14, 2016

Briga de irmãos termina em morte

Uma briga entre irmãos acabou de forma trágica em Curitibanos nesta terça-feira, 13. Um deles acabou morto no fim de confusão.  O Copom do município foi acionado na localidade de Vila Xaxim. Segundo informações a briga ocorreu entre dois irmãos, sendo que Afonso Geraldo Vicente de Souza, 51 anos, já estava em óbito.   Afonso tinha problemas mentais e após um surto levantou, pegou uma faca e agrediu seu irmão Rudinei Vicente de Souza de 37 anos. Rudinei acabou desferindo um golpe de faca no abdome de Afonso, fazendo com que o mesmo viesse a óbito. Rudinei está internado já que foi atingido por vários golpes nas mãos, braços e costas. Foi dado voz de prisão e após os procedimentos médicos ele será encaminhado para a Delegacia. (Fonte: Genauro Stefanski)

terça-feira, setembro 13, 2016

Dr. Jorge lamenta ataques em redes sociais e reforça candidatura a vereador

O atual vice-prefeito de Videira Jorge Lopes Oliveira, o Dr. Jorginho, que concorre como vereador nas eleições deste ano, emitiu nota de esclarecimento nesta semana, após ver seu nome envolvido em publicações inverídicas nas redes sociais, informando que ele estaria com a candidatura suspensa. Acompanhe a nota emitida por Dr. Jorge, na íntegra.

Sobre ataques que o atual vice-prefeito e candidato a vereador Jorge Lopes Oliveira, o Dr. Jorginho vem sofrendo sistematicamente nas redes sociais, em torno de sua candidatura nas eleições deste ano,  esclarece o que segue:

- O Ministério Público Eleitoral – 36ª Promotoria Eleitoral – Videira, por meio do promotor  de Justiça Eleitoral - Joaquim Torquato Luiz,  emitiu  no dia 23 de agosto de 2016, um Despacho de Arquivamento da Notícia de Fato (nº 01.2016.00015108-1) INDEFERINDO situação noticiada pelo Centro de Apoio Operacional da Moralidade Administrativa, informando que Jorge Antônio Lopes Oliveira apresentava restrição da relação dos responsáveis por contas julgadas irregulares publicada pelo Tribunal de Contas do Estado de Santa Catarina;

O indeferimento da Notícia Fato e, a consequente liberação do nome de Jorge Antônio Lopes Oliveira para concorrer às eleições 2016 aconteceu porque a Promotoria Eleitoral entendeu que não houve irregularidade insanável e configuração de ato doloso de improbidade administrativa, por conta da reprovação das contas da Câmara de Vereadores, no de 2007, quando Dr. Jorge era presidente daquela Casa Legislativa. Na época, Dr. Jorge e os outros 10 vereadores aprovaram um Projeto de Lei de autoria do então prefeito Carlos Alberto Piva, concedendo reajuste anual geral de 7% aos agentes políticos do município, fato considerado irregular pelo TCE, na ocasião;

Acompanhe trecho do Despacho de Arquivamento da Notícia de Fato feito pelo promotor de Justiça Eleitoral - Joaquim Torquato Luiz, que indefere o pedido de impugnação da candidatura de Dr. Jorge: “Em primeiro plano, é importante destacar que o Projeto de Lei nº 50/2007 que deu origem à Lei Municipal nº 1.858/2007 foi iniciativa do Poder Executivo Municipal e não do representando ou da Casa Legislativa. Por outro lado, o Projeto foi discutido e votado por todos os vereadores conjuntamente, tendo eles aprovado o texto legal concessivo de Reajuste Geral Anual, em igual percentual (7%) a todos os servidores municipais e agentes políticos do município de Videira – SC. Neste panorama, não se vislumbra dolo ou má fé, porquanto o representado, além de não ter sido o autor do projeto, apenas conduziu o processo legislativo que redundou na aprovação do malfadado aumento travestido em Reajuste Geral Anual”.

No Despacho, o juiz ainda apontou que os valores recebidos pelos vereadores em razão do aumento salarial aprovado pela lei foram devidamente devolvidos, conforme decisão do Tribunal de Contas, não sendo constatada a insanabilidade do ato praticado. “Dessa forma, a irregularidade das contas do representado não configura situação de inelegibilidade apta a deflagrar uma ação de impugnação de Registro de Candidatura. Assim sendo e não havendo outras diligências a serem realizadas, indefiro a presente Noticia de fato”, concluiu o magistrado.

Por fim, Dr. Jorge lamenta o fato dos adversários se valerem de expediente mentiroso para tentar denegrir a imagem pública íntegra e respeitosa que construiu ao longo de um mandato como vereador e dois mandatos como vice-prefeito de Videira, além das três décadas de atuação como médico no município. “Toda eleição que disputo enfrento esse tipo de ataque dos adversários que não conseguem fazer uma campanha limpa e embasada em propostas e verdades. Preferem denegrir a imagem dos concorrentes com mentiras, no entanto, a população de Videira me conhece e sempre teve bom senso para analisar essas situações, prova disso é que me elegeram para três mandatos públicos”, finalizou Dr. Jorge.

segunda-feira, setembro 12, 2016

Homem de 38 anos morre em acidente

Um homem de 38 anos morreu em uma colisão frontal entre veículos no início tarde deste domingo (11) na BR-470, em Brunópolis. Juarez Goetten de Barros conduzia o Fiat Uno, placas MBA-3324 de Santa Cecília, que bateu de frente com a Pajero, placas MML-8407 de Ituporanga, no Km 275,5 da rodovia, acesso ao município.  Juarez estava sozinho no Uno, já a Pajero era ocupada por três pessoas, que foram encaminhadas com ferimentos ao hospital por Bombeiros e SAMU. Identificados até o momento João Kleittemberg, 66 anos, e Bernadette S. Kleittemberg, 67 anos.  Bombeiros da região de São Miguel do Oeste, que passavam pelo local, auxiliaram as guarnições de Curitibanos no atendimento. O IGP de Joaçaba recolheu o corpo para necropsia.



Fonte: Lucimara Nascimento

sábado, setembro 10, 2016

Casal morre em acidente ao bater em um ônibus

Duas pessoas morreram por volta das 2h30min no sábado, dia 10/09.  Aconteceu um acidente frontal registrado na BR-153, na comunidade de Caroveira, Irani. Na colisão  se envolveram um Ford/Escort com placas de Concórdia e um ônibus com placas de Irani. Os dois ocupantes do carro, uma mulher e um homem, tiveram morte instantânea devido a violência da colisão.  O casal foi identificado como sendo Fabiano Demeda, 29 anos, natural de Chapecó, porém morador de Concórdia e Taísa Stochmal, 31 anos, natural de Erechim e também moradora de Concórdia.   O carro ficou preso embaixo do ônibus na parte frontal. Depois que um guincho foi acionado para retirar o Escort foi possível ter uma noção mais exata dos estragos. Os corpos ficaram presos nas ferragens e mutilados. Os Bombeiros de Irani e
Concórdia trabalharam em conjunto para retirar os corpos presos nas ferragens.  No ônibus estavam trabalhadores da BRF que trabalhavam no turno e estavam retornando para Irani. O motorista do ônibus disse que o carro teria invadido a pista contrária. Ele disse que não foi possível fazer nada. O carro após a colisão foi arrastado por pelo menos 30 metros. O motorista e os passageiros não tiveram nenhum ferimento.  A Polícia Rodoviária Federal de Concórdia também foi acionada esteve realizando os levantamentos para apontar as causas do acidente. O Instituto Médico Legal também fez o recolhimento dos corpos.
 

Fonte: Genauro Stefanski (Alex Pacheco)

quarta-feira, setembro 07, 2016

Quatro Fraiburguenses ajudam Jaborá a conquistar título inédito no JASC

Gabriel Padilha, Junior Legnani,
 Lucas Claussen e Lucas Moreira
Pela primeira vez na sua história uma equipe na modalidade de Futebol de Campo do municipio de Jaborá conquista o titulo de campeão do Jasc 2016. Os Jogos Abertos de Santa Catarina etapa centro-oeste foi realizado nos dias 03 a 07 de Setembro.  O mais interessante que a equipe de Jaborá foi refoçada por quatro jogadores de Fraiburgo.  Todos treinado pelo professor Donizeti Esquitini. Os atletas são: o Goleiro Lucas Manoel Moreira (Mandu), Gabriel Padilha, Junior Legnani, Lucas Claussen.  Venceram de forma invicta e sem tomar nenhum gol. Jaborá venceu Rio do Sul por 1 X 0, Joaçaba por: 1 X 0, Lages por 1 X 0, e Caçador na Final por 3 X 0. Houve muita festa e  comemoração pelo titulo inédito conquistado.




Lista dos campeões do JASC em Curitibanos

Basquete masculino: Joaçaba, Bolão 23 masculino: Lages, Bolão 23 feminino: Rio do Sul, Bocha masculino: Rio do Sul, Bocha feminino: Trombudo Central, Futsal masculino: Videira, Futsal feminino: Caçador, Futebol masculino: Jaborá, Handebol masculino: Caçador, Handebol feminino: Videira, Voleibol masculino: Pouso Redondo, Voleibol feminino: Lages.

Caçador freia Lages e é campeão geral dos JASC centro-oeste

Nos últimos três anos Lages dominou como campeão geral da etapa Centro-Oeste dos Jogos Abertos de Santa Catarina (Jasc) e se solidificou como o bicho papão da etapa. Entretanto, nesta quarta-feira, 7, este reinado chegou ao fim em Curitibanos, onde desde o dia 3, foi realizada a competição. O feito de quebrar a sequência vitoriosa dos lageanos coube a Caçador ao somar 56 pontos. Foram campeões no handebol masculino e futsal feminino.    Lages fechou sua participação em segundo lugar na classificação geral com 51 pontos e Videira terminou em terceiro com 34 pontos.   Para o diretor de esportes de Caçador João Coelho, o título resgata a autoestima das vitórias do município. “Estou muito feliz por esta conquista regional dos Jasc, mas temos consciência que precisamos melhorar ainda mais para a etapa estadual, pois sabemos que nesta etapa há muitas equipes de bom nível técnico. Quero agradecer aos organizadores pela ótima competição que tivemos aqui em Curitibanos”, ressaltou o dirigente campeão.   Ao fazer uma análise do evento, Marcos Pereira, da Fesporte e coordenador geral  da competição, disse que o torneio foi positivo. “Tivemos bons jogos, boa organização e uma intensa entrega esportiva dos atletas e essa tríade coroou com êxito essa competição em Curitibanos”, destacou.   Os campeões da etapa garantiram classificação para a etapa estadual dos Jasc que ocorre de 11 a 19 de novembro em Tubarão. A competição começou dia 3 com a participação de 1.300 atletas de 38 municípios e foi uma promoção do Governo de Santa Catarina, por meio da Fesporte, em parceria com a prefeitura e Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Curitibanos. (www.fesporte.sc.gov.br)

Fraiburgo comemora independência com desfile civico

Palanque de honra com Policiais Militares, Bombeiros,
 Vereadores e o Prefeito
Aconteceu dia 7 de Setembro em Fraiburgo o desfile civico de independência.  As escolas e organizações civis compareceram e realizaram uma bonita apresentação.  No Palanque de honra estavam o Prefeito de Fraiburgo Ivo Biazollo, o presidente da Câmara Oracir Ferreira de Deus, os vereadores: Rodrigo de Lara, Gabriel Fantin, Gerson de Matia, Josiel Nunes da Silva, José Darcy Soares França, Francisco Maciel.  A Independência do Brasil é o feriado em que se celebra a emancipação brasileira do reino de Portugal, no dia 7 de setembro de 1822, data que ficou conhecida pelo episódio do "Grito do Ipiranga".    A Independência do Brasil deu os primeiros passos às margens do riacho Ipiranga, hoje atual cidade de São Paulo. O Príncipe Regente Dom Pedro I gritou "independência ou morte" e a partir desse momento, simbolicamente, o Brasil não era mais uma colônia de Portugal. Estava finalmente estabelecida a Independência do Brasil. Logo após a Independência, o Brasil passou a ser uma monarquia, uma forma de governo em que os poderes eram exercidos por um Imperador.  A primeira nação que reconheceu a independência do Brasil foram os Estados Unidos. Portugal apenas admitiu a independência em 1825, após o pagamento de uma indenização de aproximadamente 2 milhões de libras.   Atualmente, no dia da Independência do Brasil as escolas promovem desfiles pelas ruas da cidade, enquanto os alunos cantam os hinos da Independência e do Brasil.    As forças militares brasileiras – marinha, exército e aeronáutica – também fazem apresentações especiais ao público em homenagem a esta data.
 
História da Independência do Brasileira
Com as Revoluções na Europa, a família Real Portuguesa decidiu que seria melhor se mudar para o Brasil. Assim, em 1808, a Corte Real desembarcou em terras brasileiras, decidindo que os portos brasileiros passariam a ser abertos para todas as nações do mundo. Este foi o primeiro grande passo para o desejo de independência do país.  Porém, existiam diversos problemas e divergências entre os portugueses e brasileiros, como a escravidão, a luta territorial, as rebeliões, os privilégios da burguesia e etc.   No final de agosto de 1822, depois de se deslocar para São Paulo com o propósito de apaziguar uma rebelião contra José Bonifácio, D. Pedro I resolveu romper os laços de união política com Portugal, mesmo com seu pai, o rei D. João VI, pedindo para que ele voltasse à Portugal imediatamente. Com a emancipação, D. Pedro I foi coroado Imperador do Brasil.

Justiça nega registro de candidatura do professor Mauricio

Professor Mauricio  PR
O  registro de candidatura do professor Mauricio Passos Pinheiro (PR) que concorreria pela coligação Povo Unido Progresso Garantido (PMDB/DEM/PTB/PR) no municipio de Lebón Régis foi negado.  A Justiça eleitoral daquela cidade o considerou inelegível para o pleito de 2016.   A recusa do registro se deu em função do candidato ter sido demitido do serviço público em 19 de setembro 2012 por meio de um processo administrativo disciplinar.  O Juiz Bruno Malkowiecky Salles da 77 ª Zona Eleitoral indeferiu o pedido de candidatura de Mauricio o que impediu que ele concorra neste ano ao cargo de vereador



Prefeito Vilmar Carelli emite nota sobre a citação do seu nome pelo MPSC

Nota de esclarecimento

A respeito de notícia veiculada no site do Ministério Público do Estado de Santa Catarina (MPSC), e desde a noite de segunda-feira (5), veiculada maldosamente em redes sociais, sobre suposta denúncia na Operação Patrola envolvendo meu nome esclareço o que segue:

1- Desconheço o teor da suposta denúncia e informo que tomei conhecimento do referido fato da mesma forma que a comunidade, ou seja, por meio de notícia veiculada no site do MPSC. No entanto, rechaço veementemente tal acusação, afirmando que jamais recebi qualquer valor de fornecedores do município que, com orgulho, administro pela terceira vez;

2- Os videirenses que me elegeram em três ocasiões para comandar o município conhecem minha conduta ilibada, ética e honesta, por isso, tais fatos, embora me entristeçam, não abalam minha conduta, já que carrego a certeza que jamais agi com incoerência e desonestidade em minhas gestões;

3- Duas coisas me causam estranheza em relação aos fatos noticiados: a primeira é novamente a disseminação de informações caluniosas as vésperas de uma eleição. Embora eu não seja candidato, todos sabem da minha participação no processo eleitoral deste ano e, do peso que meu envolvimento tem pelo reconhecimento público da nossa administração. E a segunda coisa, é a semelhança entre o que se pratica agora e o que fizeram comigo em 2012, quando fui injustamente acusado, também as vésperas de uma eleição;

4- Por tais razões, acredito que os fatos ora noticiados tem intenção clara de novamente desgastar minha imagem perante a opinião pública, com objetivo eminentemente político, até porque seu suposto teor traz elementos totalmente inverídicos e com alegações que considero ridículas do ponto de vista lógico. Afirmo isso, porque todos sabem que não tenho e nunca tive razões pessoais, financeiras e muito menos de caráter que justificassem tal atitude da qual sou acusado;

5- Da mesma forma que rechaço essas acusações inverídicas, abomino também esse tipo de conduta reiterada dos meus adversários políticos;

6- Após ser notificado oficialmente dos fatos e conhecer integralmente do que se trata, tomarei todas as medidas para assegurar que a verdade seja restabelecida e que os responsáveis pelas denúncias infundadas sejam efetivamente punidos. Asseguro a todos que a exemplo do que ocorreu em 2012, quando fui injustamente acusado e, repito, coincidentemente em período eleitoral, os fatos serão esclarecidos e novamente restará o reconhecimento de minha inocência.

Atenciosamente,

Wilmar Carelli
Prefeito de Videira


06/09/2016